www.fcv.org.br

Artigos

11/08/2017 - 13h08m - Atualizado em 11/08/2017 - 13h10m

Versão para impressão
Enviar por e-mail
Com a finalidade de resgatar o verdadeiro sentido da profissão e o valor de atuar numa instituição de saúde, teve início na manhã dessa sexta-feira(11), no Hospital do Câncer de Muriaé da Fundação Cristiano Varella o Projeto "Cuidando de Quem Cuida". 

A iniciativa consiste em realizar grupos de terapia com os colaboradores que atuam diretamente prestando assistência aos pacientes (plantão de enfermagem: enfermeiros, técnicos de enfermagem e outros). A intenção do projeto é alcançar todas as unidades do hospital, visando trabalhar a questão da fragilidade do colaborador diante do paciente. 

Uma vez por mês, o projeto vai oferecer um espaço aos colaboradores para que eles possam se abrir e expressar suas frustações, alegrias, problemas diversos vivenciados no ambiente de trabalho, em casa, entre outros locais. A terapia em grupo, com duração de uma hora, é dirigida sempre por uma psicóloga da Fundação Cristiano Varella. 

O projeto será mantido pela Psicologia do Hospital do Câncer de Muriaé, através das psicólogas – Ludmyla Magalhaes, Samara Dias e Mirian Ribeiro, contando com o apoio da estagiária de psicologia, Thaís Pacífico. 

O tema abordado e conduzido por Ludmyla nesse primeiro encontro, com o plantão de enfermagem da unidade de quimioterapia, foi o "Significado de Cuidar". Sendo explorado através de recortes de revistas, massagens e oportunidade para cada um manifestar suas opiniões, dar sugestões, falar de seus problemas, entre outras atividades. A psicóloga considerou muito produtivo esse primeiro encontro, afirmando que, a aceitação dos colaboradores que participaram superou suas expectativas.